Qual o impacto da Inteligência Emocional na Liderança?

A falta de inteligência emocional impacta negativamente   em sua carreira e liderança.

Sabemos que pessoas são demitidas , na maioria das vezes, por questões comportamentais .  Contrata-se pelas competências técnicas e  demite-se por questões comportamentais.  E comportamentos são reflexos de pensamentos e emoções.

A falta de inteligência emocional também colabora com os  altos índices de  pessoas que pedem demissão de seus chefes antes mesmo de desistirem das empresas .

Inclusive , se  você ocupa posição de liderança, existe a chance de alguém estar pedindo demissão de você.. Já parou para pensar? Principalmente, se você for uma pessoa que não percebe muito bem as suas emoções  e não reflete acerca de seus comportamentos.

A inteligência emocional implica em como você percebe seus pensamentos e sentimentos , como percebe suas emoções.  Além de perceber suas emoções, como você lida com elas,  é outro ponto.  A inteligência emocional  está ligada  ao quanto você reconhece as emoções do outro e quanto que você sabe lidar com as emoções dos outros . A IE está ligada também a sua automotivação.

Bom, mas você pode estar se perguntando: Que emoções são essas?

Estou me referindo basicamente  a 4 emoções: alegria, raiva, medo, tristeza.

Avalie suas atitudes: 

  • Enquanto líder e profissional, você tem baixa tolerância? Costuma sair do sério,  tem dificuldades de controlar a sua raiva, principalmente quando os problemas surgem?
  • O medo predomina em você? Tem medo de delegar? Medo de falar não? Medo de cobrar, medo de oferecer um feedback?
  • Na sua carreira, não avançou por medo?

 

Liderança é Relacionamento! Em sua liderança há pessoas envolvidas. Você  influencia e lida com pessoas. Não dá para lidar com pessoas sem inteligência emocional, pois lidamos com as emoções dos outros diariamente. 

Enquanto líder, você precisa ser o primeiro a superar as situações de estresse, saber lidar da melhor forma com os erros, com as reclamações de clientes, com os obstáculos e adversidades.

A IE confere a autoconfiança necessária para falar não, para agir e avançar, controlar seus impulsos e persistir.

Então:

  • Busque a autoconsciência para reconhecer as suas respostas e entender as suas emoções predominantes .
  • Avalie a sua capacidade de construir e manter relacionamentos.
  • Avalie sua capacidade de manter-se em equilíbrio, de reconhecer os seus padrões de comportamentos, de reconhecer os padrões dos outros e saber interagir com eles.
  • Avalie também se há de sua parte ,  perspectiva otimista da realidade.

Como agir? Como melhorar?

  • Se você tende a ser impulsivo e agressivo em suas  colocações, experimente contar até 10  antes de agir  ou responder a alguém. Experimente refletir antes sobre as suas consequências.  Aumente sua  atenção em momentos de estresse.
  • Exercer a empatia é fundamental! A empatia é uma receptividade não crítica aos outros.
  • Procure apoio se avaliar necessário.

 

Quanto a sua inteligência emocional está contribuindo com você hoje?

Avalie  sua Inteligência Emocional. Reflita e considere que a IE é uma competência  fundamental na sua carreira e liderança.

 

Abração,

Ju Santana

 

Se o artigo fez sentido pra você, comente aqui abaixo!

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *